GOIÂNIA

Ministros entregam primeiras unidades de residencial em Alagoas

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
© Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR


Em concorrida cerimônia pública, os ministros do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e da Saúde, Marcelo Queiroga, e o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), que é alagoano, entregaram hoje (4) as chaves das primeiras 471 unidades de um conjunto residencial na cidade de Pilar, que tem cerca de 35 mil habitantes e faz parte da região metropolitana de Maceió.

Com 600 unidades, o conjunto habitacional começou a ser construído em janeiro de 2019, por meio do antigo programa Minha Casa Minha Vida, que foi substituído em agosto de 2020 pelo programa Casa Verde e Amarela.

Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entrega 600 moradias a famílias de baixa renda, na cidade de Pilar, em Alagoas Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entrega 600 moradias a famílias de baixa renda, na cidade de Pilar, em Alagoas

Primeiras casas do residencial, que começou a ser construído em 2019, foram entregues nesta sexta-feira – Divulgação/MDR

O governo federal informou ter aplicado R$ 45 milhões do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR) na construção do Residencial Pilar II, III e IV, que deve beneficiar cerca de 2,4 mil pessoas. Segundo o ministro Rogério Marinho, 90% do montante investido, ou R$ 40,4 milhões, foram executados de 2019 para cá.

LEIA TAMBÉM  Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio de R$ 35 milhões

Coube à prefeitura de Pilar implementar parte da infraestrutura urbana necessária, viabilizando serviços e equipamentos públicos indispensáveis para os futuros moradores do local, contemplados com a casa própria em sorteio realizado pela Caixa.

Marinho usou a conta pessoal no Twitter para reforçar o compromisso do governo federal de concluir obras em andamento, independentemente de terem sido contratadas ou iniciadas por gestões anteriores.

“Desde 2019, por todo o Brasil, já entregamos mais de 1,2 milhão de moradias. É o programa Casa Verde e Amarela trazendo dignidade e condições de uma vida melhor para os brasileiros”, escreveu o ministro do Desenvolvimento Regional, que defendeu prioridade para investimentos em habitação popular na elaboração do orçamento público federal.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Geral

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS